GrandaMambo Music

Entrevista com Wagner Mateus (Júpiter)

Wagner Mateus, membro do grupo “Júpiter”, Co-Fundador da Casa dos Bangers, produtor, BeatMaker e músico deu uma entrevista textual ao Blog GrandaMambo.com, confira as respostas!

GM: Como é ser o Wagner Mateus?

W: Ser o Wagner Mateus é como um peixe fora do aquário, a balar com o oxigénio e ainda assim não volta para o aquário por nada, por que sente que aquele não é o meio dele.

GM: Se não fosses BeatMaker, Produtor e cantor o que serias?

Wagner: Seria outra pessoa! Brincadeira, para além da música tenho uma outra paixão que é o empreendedorismo.

GM: Como é a rotina do Wagner Mateus?

Wagner: Eu não tenho uma rotina! Dou prioridade às obrigações diárias e o resto trabalho em função da minha disposição.

GM: Como é ser membro da Júpiter?

Wagner: Ser membros da Júpiter é ser membro de uma team em que todos gajos são rijos e tu és obrigado a aprender todos os dias para não ficar atrás.

GM: Sabemos que és um dos fundador da Júpiter, como foi este processo de construção do grupo?

Wagner: Eu e o Jay sempre tivemos pessoas ao lado que para além de serem amigas são também talentosas, então foi fácil fazer o recrutamento do pessoal e dar vida ao projecto.

GM: O que é a Casa dos Bangers?

Wagner: A Casa Dos Bangers é uma produtora musical, foi fundada em 2019. O projecto está direcionado para área de produção músical, vídeos e gestão de carreiras de músicos.

GM: Como é o processo de construção das tuas músicas até chegar aos ouvintes?

Wagner: Normalmente começo por fazer o instrumental, faço o desenho da música, parto para a letra, gravo e mando para a team, se sentirem o mambo, foi…

GM: O que achas que está a faltar dentro do movimento hip hop Angolano?

Wagner: Uma das grandes debilidades do movimento é a falta de união.

GM: Fazendo uma análise breve como é que achas que o hip hop em Angola se encontra ?

Wagner: Hoje já temos as mesmas aberturas que o pessoal de outros géneros musicais e isso faz com que o hip hop angolano esteja numas das suas melhores fases.

GM: O que que podemos esperar do Wagner Mateus para o ano 2020?

Wagner: Podem esperar tudo, menos nada. 😹mesmas aberturas que o pessoal de outros géneros musicais e isso faz com que o hip hop angolano esteja numas das suas melhores fases.

GM: Se pudesses definir o movimento hip hop Angolano em uma só palavra qual séria?

Wagner: “Persistente”.

Conheça mais sobre o trabalho do Wagner nos links abaixo:

Comentários

Cláudio Kylla

Adicionar comentário



Siga-nos nas Redes Sociais

Já vais embora?

Siga-nos no Facebook e receba as novidades em primeira mão!!
close-link

ACOMPANHE AS NOVIDADES

close-link
emekciyiz.com mersin bayan escort diyarbakır escort elazığ escort hatay escort