Segunda-feira, Dezembro 5, 2022

Entrevista com Kary Suttra

Recomendado
GM Teamhttps://grandamambo.com
Grandamambo é um Portal que centra o seu conteúdo na Promoção, Informação e Educação Musical, Cultural e Artística.

1. Quem é Kary Suttra?

Kary Suttra é um jovem sonhador que vem a lutar já algum tempo para se tornar um dos melhores rappers do mercado nacional.

2. Como e porquê te tornaste Rapper/artista, e quais são as tuas fontes de inspiração?

Tornei-me rapper através da visão que eu notei que o rap traz às pessoas, sem esquecer a liberdade de expressão que ele carrega, também porque é uma via que eu achei para exprimir alguns sentimentos e me desligar de muita coisa.

A minha fonte de inspiração foi e é, os rappers Jay z, Nas e plutônio, sem esquecer as vivências do dia a dia que eu tenho.

3. Fale-nos do processo criativo, composição e gravação do EP “FOGO CRUZADO”?

O projecto FOGO CRUZADO surgiu numa fase em que eu tinha alguns conflitos com amigos, dama e outros e também tinha muita negatividade ao meu redor de gente que diz até agora que eu não vou atingir os meus objectivos no rap.

Foi gravado de forma bem elaborada por mim desde as escolhas dos instrumentais até a elaboração das rimas, captação, mistura e master foi feito pelo Roy King Beatz (faz parte do grupo de beatmakers KRONICS).

4. Os produtores musicais são extremamente importantes para se obter uma trabalho com qualidade, quais são os Produtores nacionais e internacionais que mais admiras?

Os produtores são extremamente importantes porque eles criam a base da música á 60%, isto é o instrumental com mais 20% para a captação, mistura e master, que com alguns dotes deles garantem-nos uma excelente dualidade.

Quanto aos nacionais são: Desejo Beats, Pithagoras beat, Kronics, Renelson Beat e Bráulio Montana.

5. Fazes parte de uma Label? Caso sim, fale um pouco sobre ela caso não, gostarias de fazer parte de uma?

Não faço parte de uma label, tenho conexões com A Ghost Voice que é a label de um amigo meu, mas gostaria de assinar com uma mais organizada.

6. Fazendo uma análise breve, como é que achas que o movimento hip hop em Angola se encontra e mais especificamente na vossa província/cidade de origem?

Actualmente o rap ganhou um espaço grande no mercado nacional e foram quebrados alguns tabus, quanto ao Rap na minha província de origem (Bié) ainda é um embrião.

7. O que que achas que está a faltar dentro do movimento hip hop nacional?

Dentro do hip hop nacional falta mais empenho e investimentos por parte dos meus colegas porque todos querem chegar no topo mas poucos investem e arriscam.

8. Acompanhas o Rap Moçambicano? Caso sim, quais artistas é que você nos recomendaria passar a ouvir?

Acompanho sim o rap moçambicano e recomendo ouvirem o Allan, Duas caras e o Laylizzy.

9. Há um velho ditado que diz que “devemos aprender com os erros dos outros” Quais foram os principais erros que cometeste no princípio?

  • Cometi os seguintes erros:
  • Não estudar e conhecer o mercado
  • Não criar uma estratégia para furar barreiras
  • Não preparar-me para as criticas negativas ao redor de mim
  • E não me preparar para receber a rejeição por parte de alguns.

10. Qual é o teu auge a atingir como artista/rapper?

Maior parte de nós quer atingir o auge e desfrutar de mulheres, carros noitada e bebedeira. Mas eu estou mais além, quero que o meu nome seja lembrado quando falarem de Rappers excelentes que deram seu contributo e ajudaram pessoas com as suas músicas e com o seu know how.

11. Como é o Kary Suttra quando não está a fazer música?

Quando não está a fazer musica, o Kary Suttra é um empreendedor, contabilista e estudante universitário que passa o seu tempo a dedicar-se na sua evolução pessoal e não só. Também ele é divertido, tranquilo e um grande amigo.

Conheça mais sobre o trabalho de Kary Suttra no link abaixo.

Artigo anteriorEntrevista com Young Fine
Próximo artigoBriisa – BUSINESS
- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img
Recentes

Ouça e baixe já o tão aguardado projecto “INSIDE” de Shattz.

Com o lançamento de INSIDE, Shattz torna-se o primeiro artista Angolano a lançar um EP 100% SAD. "INSIDE" tem como...
- Advertisement -spot_img

Veja Também

- Advertisement -spot_img
×